quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Tristeza

Não sei o que quero e nem o que sinto...
Quero  tudo e nada.
Quero uma decisão das minhas indecisões...
Quero verdades, quero bondades
Quero não sentir o que sinto agora...
Voar.....se pudesse.
Bem longe....

Quero aconchego, colo.
Quero me encontrar, quero fugir..
E nestas contradições...
Nem sei mais quem sou..
Me perdi....

Quero chorar, quando deveria querer sorrir..
Quero voltar, quando deveria prosseguir.
Não tenho motivos para estar assim..
Mas a dor me consome..
Será solidão?

A dor é imensa e toma conta de mim..
E não é dor física...
Quero fingir que está tudo bem..
Mas não consigo..
Estou triste.


sábado, 11 de agosto de 2012

Quero o poder de ver as coisas tal qual são
Quero poder viver sem culpas
Quero andar sem medo
Quero ser feliz...

E como saber o que é ser feliz
Sei que são momentos
Mas geralmente damos pouca importância quando os estamos vivendo...

Quero fluir, quero voar
Além de planícies e paisagens inesquecíveis


Quero amar e ser amada
Um mundo justo onde o amor seja lei.


E entre tantos quereres,
Quero que tudo continue igual
E que seja este o momento
Que uma vez eu quis viver
Em que eu quis estar....