sábado, 6 de novembro de 2010

TEMPO CERTO

De uma coisa podemos ter certeza: de nada adianta querer apressar as coisas, tudo vem a seu tempo, dentro do prazo que lhe foi previsto.
Mas a natureza humana não é muito paciente. Temos pressa em tudo, e aí, acontecem os atropelos do destino, aquela situação que você mesmo provoca, por pura ansiedade de não aguardar o tempo certo. Mas alguém poderia dizer:
Qual é esse tempo certo?
                      (Paulo Coelho)

Nenhum comentário:

APENAS A NOITE

Mundo estranho este, virou tudo de cabeça para baixo. Não conhecemos mais quase ninguém. Máscaras caíram e só restou as cascas, podres...