quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Ao Amor que não encontrei....

Será que foi naquela festa que não fui?
Será naquele dia que na aula faltei?
Será naquela rua que não atravessei?
Será naquele ônibus em que não entrei?


Ou naquela trilha que não fiz,
Na montanha que não escalei, 
Na árvore que não subi, por isso não vi....

Naquele beijo que recusei,
Naquele perdão que não dei,
Naquele momento que me resguardei...

Tem que ter uma explicação,
Que momento não te achei,
Não me achaste,
Não nos encontramos,
Extraviamos?

Ou, ainda não foi a hora,
E continuo a te buscar,
Nas festas, nas ruas, nas trilhas,
Em algum lugar que ainda vá passar.

Se não, vou ter a  certeza absoluta,
Que passamos lado a lado,
Procurando, nem percebendo,
Que bem perto a gente estava,
Mas buscando em outra direção.



2 comentários:

Ellvis disse...

Que lindo Cida...
Sempre nos passa à mente(ou no coração), onde estará o nosso amor?
Nunca consigo entender, mas vivo ansiosamente à espera de alguém especial, que também me procurava. ♥
Será que o deixamos passar? ou então ainda encontraremos? ^^ sempre me identifico com suas palavras.. beijo

Adriana disse...

A que lindo!!! muito mesmo!!
vc disse tudo...