domingo, 1 de agosto de 2010

MINHA VIDA


Assim  é minha vida, como esta estrada, como este caminho.
Algumas sombras, algumas claridades
Meio tortuosa, alguns obstáculos
Mas que não são difíceis de se transpor
Mas também nem tão fácil
Poderia ser mais reta, mais clara
Mas quem disse que viver é fácil
São tantas pedras,
Mas pedras são necessárias
É o que nos faz crescer, avançar, apesar delas
Não, não posso me queixar, porque olhando assim
É uma visão bonita, nem tão certinha
Nem tão difícil demais.
Minha vida  trouxe-me muitas opções
Mostrou-me diversos caminhos
E eu escolhi justamente assim
Escolhi certo, pois hoje sou resultado do que sonhei
Do que desejei para minha vida
Apesar das vezes em que ventos contrários
Me tirassem da direção
Mas hoje sinto que consegui
Estou onde deveria mesmo estar
No lugar e no meio da estrada
Que não sei onde vai terminar.

Nenhum comentário: