sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Porque Natal nos transforma...

Não importa a crença, nesta época tudo se transforma, independente de nossas crenças, acabamos envolvidos pelo tal espírito natalino. Acho bom que exista, parece que as pessoas tendem a pensar menos em si próprias e mais nos outros. A tradição de trocar presentes é uma forma da gente deixar de pensar em nós mesmos e por instantes pensar no familiar ou no amigo a quem queremos agradar. E isto é bom. Natal se tranforma então na festa do nascimento também da caridade, do amor e do altruísmo. Porque muitas pessoas esquecem disto ao longo do ano. Mas nunca é tarde para lembrar. Mesmo que seja por poucos dias, o importante é que acontece: Aquela vontade de estar junto de quem se gosta, aquela saudade de quem não pode estar ao nosso lado, aquele perdão que tanto queremos dar, tudo isto acontece na época do Natal. Para mim, Natal também quer dizer a data do Nascimento do Amor. Porque ele nasce mais agora quando nossas atitudes se transformam. Porque para qualquer lado que se olha, vê-se que o amor está movendo tudo. Se o comércio vende bem nesta época, deve ser encarado também como bom. Os trabalhadores são recompensados por isto. Podem ter a melhoria financeira que necessitavam. E isto é bom. Não sei se esta era a idéia de quem inventou a troca de presentes no Natal e que depois virou uma tradição. Mas só pensar  nos benefícios que esta tradição nos traz, não dá para criticar se virou comércio, se estão esquecendo do real aniversariante. Porque se  Deus é Amor, é o que se mais pratica na data natalina. Não importa a forma, mas as atitudes e sentimentos que envolvem todas as pesssoas nesta época. Tenho certeza que o real objetivo foi alcançado, aproximação entre os povos, e o exercício do Amor.

Nenhum comentário: